Saiba as possibilidades para o futuro do Capitão América após saída de Chris Evans

Capitão América
Capitão América (Reprodução)

Vingadores: Ultimato marca a derrocada de Chris Evans da Marvel e com a partida do ator, o personagem de Capitão América entra numa nova fase nos cinemas.

Tudo indica que Steve Rogers teve um desfecho de tons definitivos: após viajar ao passado ele decide permanecer ao lado de Peggy Carter (Hayley Atwell) assim, ao reaparecer no “presente” ano de 2014 no MCU, o soldado já idoso passa o escudo para Sam Wilson (Antony Mackie).

Em entrevista ao Graham Norton Show, Chris Evans discutiu o lugar de Steven Rogers no Universo Marvel, diferente do que já ocorreu nos quadrinhos, não parece que há esperanças de retorno do personagem. Foi uma grande jornada, e tivemos um encerramento tão bom que seria arriscado revisitá-lo, em minha opinião” disse o ator, “Acho melhor deixar assim”, acrescentou.

Já o futuro do posto de Capitão América ainda está em aberto. Embora tenha recebido o escudo, Falcão (Sam Wilson) pode não assumir a posição do herói, que também é disputado por John Walker (Wyatt Russel), o agente Americano. É aqui que entra a série “Falcão e o Soldado Invernal”. Especula-se que a produção do Disney+ deve abordar essa passagem do personagem para o posto de Capitão América.

Em entrevista a Scarlett Johansson para a revista Variety, Evans recuou: “[Se eu voltaria] para a Marvel? Você nunca diz nunca. Amo o personagem, mas não sei. Capitão América teve uma trajetória tão complicada e fizeram um bom trabalho ao deixá-lo completar a sua jornada”, avaliou.
 
“Para revisitá-lo, não pode ser por dinheiro ou só porque o público quer vê-lo novamente. O que estamos revelando? O que estamos adicionando à história? Muitas coisas teriam de estar conectadas”, complementou.

Evans disse ainda que se vê como responsável em proteger pela maneira como a MCU decidiu encerrar a história de Steve Rodgers, além de acreditar ser bastante perigoso revisitar a história novamente.