Saiba por que Sean Bean recusou papéis após Senhor dos Anéis e GoT

Sean Bean
Sean Bean (Imagem: Divullgação)

O ator Sean Bean, que teve personagem que morreu tanto em Senhor dos Anéis, como em Game of Thrones, tem construído um currículo com papéis nos quais os seus personagens acabam por morrer. Ao todo foram 21 mortes, ao longo dos seus anos de carreira, o que deu ao ator a fama que ele não está gostando.

O astro concedeu uma entrevista ao tabloide britânico The Sun, onde revelou: Eu recusei papéis já que as pessoas sabem que meu personagem vai morrer só porque eu estou no elenco! Tive que recusar algumas coisas e começar a sobreviver, senão ficava muito previsível”, confessou.

Eu peguei um trabalho uma vez e me falaram ‘Nós vamos te matar’, e eu pensei ‘Ah não!’. Aí me disseram ‘Bom, podemos te machucar bastante?’ e eu concordei ‘Ok, desde que eu fique vivo dessa vez’”, falou Bean. “Eu sempre interpretei vilões, eles eram ótimos mas nunca muito satisfatórios – e eu sempre morria.”, contou Sean.

Na contramão de seus antigos papéis, o ator vai viver na série dramática da BBC, World on Fire, um personagem que não terá um fim trágico. Eu sobrevivo em World On Fire. Estou em minha casa em Manchester e estou seguro”, brincou.

World On Fire vai acompanhar dramas pessoais, vividos por sobreviventes da Segunda Guerra Mundial. A primeira temporada da série contará com sete episódios, nos quais relatarão momentos do primeiro ano da série, iniciando com a invasão alemã da Polônia, em setembro de 1939. A temporada termina com a Batalha da Inglaterra.

Peter Bowker assina o roteiro da série, e ainda é o responsável pela produção-executiva. A estreia no Reino Unido aconteceu neste último domingo, 29 de setembro, e não há previsão, até o momento para a sua chegada no Brasil, bem como o meio pelo qual a produção deve ser exibida por aqui.

Amante das diversas formas de expressão cultural. Viciado em séries, e sempre por dentro das últimas novidades do cinema. Ama dramas e sempre tenta dar uma oportunidade para as fantasias, distopias e os longas de ação e terror.