Thor em Vingadores: Ultimato [Imagem: Divulgação]
O ator Dave Bautista, que interpreta o Drax em Guardiões da Galáxia, deu uma entrevista ao THR, e falou sobre seu desejo de trabalhar com Chris Hemsworth no próximo filme da franquia. “(…) Não havia confronto de egos ou essa atitude. Se aconteceu, eu não vi. Acho Chris Hemsworth um cara incrível, um australiano divertido e amável. Ele é o que você espera que seja. Muito divertido, agradável e otimista. Ele é muito sociável, então acho que seria uma combinação perfeita, para ser honesto com você”, disse o ator.

Dave ainda confessou que não ficou com medo de retaliações por defender James Gunn, diretor dos dois primeiros filmes. Gunn foi dispensado do Vol. 3 por causa de alguns tweets resgatados, de cunho pedófilo. “Nunca fui desrespeitoso. Nunca xinguei a Disney. Foi uma decisão ruim, e só reclamei com eles. Só isso, não foi malicioso ou desrespeitoso. Apenas protestei sobre uma decisão ruim e tentei fazê-los enxergar o panorama geral. Foi uma escolha muito precipitada. Só queria que meu amigo fosse recontratado e nunca pensei nada além disso. Não estava tão preocupado com minha carreira naquele ponto. Pensei que se ela estivesse acabada, poderia sempre voltar a ser um lutador de wrestling profissional”, falou Bautista.

Dave Bautista

O ator já tinha conversado anteriormente com o Pro Wrestling Sheet, e garantiu que as relações entre ele e os estúdios estão bem. “Espero que esteja tudo bem. Eu realmente nunca conversei com ninguém da Disney (sobre isso). Apenas com o pessoal da Marvel. E eles foram muito compreensivos sobre a forma como eu me senti”, falou.

Na época que a polêmica se alastrou, Bautista defendeu o amigo. “James é meu amigo. Eu o amo. Ele ajudou a mudar a minha vida e eu sei que ele é uma pessoa decente. Ele estava sendo atacado. E o que você faz quando seus amigos são atacados? Você os defende, ou caso contrário você não é realmente um amigo.”

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui