Showrunner de The Boys faz apelo aos fãs da série no Twitter

Capitão Pátria (Antony Starr) e Tempesta (Aya Cash) em The Boys
Capitão Pátria (Antony Starr) e Tempesta (Aya Cash) em The Boys (Reprodução)

Ao contrário de muitas séries de super heróis, The Boys definitivamente não é algo para crianças. Diversas séries tentam até levar um conteúdo mais adulto, mas continuam evitando problemas com censura, porém, em The Boys não há limites para cenas bizarras, sangrentas ou sexuais.

Nos mais recentes episódios da série de heróis Amazon foram apresentadas paródias pornográficas do Sete, e de acordo com o showrunner Eric Kripke, há muito mais cenas de sexo gravadas além do que foi mostrado na série. Kripke foi ao Twitter contar que havia planos abrir um site para publicar esse vídeos, o SupePorn.com, mas a Amazon rejeitou a ideia.

Então pediu aos fãs se unirem para pedir que o site seja aberto. Ele escreveu: “Vamos agir por conta própria! Nós filmamos cenas pornôs inteiras para o episódio 7 e eu quero postá-las no SupePorn.com. Mas a SPTV, Amazon Prime Vídeo e Amazon Studios estão com medo de entrar no mercado pornô? Responda a eles e DEMANDE o Supe Porn!”.

Será que uma comoção do fãs fará a Amazon mudar de ideia?

Recepção da crítica

Leia abaixo o que a crítica tem falado sobre a segunda temporada de The Boys:

“A dinâmica de ‘perdido, mas ainda lutando’ martela grande parte do show. A 2ª temporada é muito mais confiante em seu tom e nível de espetáculo, com cenas de luta emocionantes e efeitos especiais adequadamente impressionantes” -Ed Fortune, Starburst.

“A segunda temporada, assim como a vida nos Estados Unidos, é estruturada em torno de um vácuo de liderança e é uma melhoria enorme” – Matthew Dessem, Slate.

“The Boys ainda é uma fera imperfeita, mas acerta em tantas partes – nem sequer falei sobre o trabalho de dublê habilidoso ou as cenas de ação habilmente encenadas – que é provável que você seja pego em sua sátira empolgante” – Ben Travers, indieWire.

“A segunda temporada prova que se a série vai ser tão inchada e apenas esporadicamente vigorosa, ela nunca será tão poderosa quanto pensa que é” – Nick Allen, RogerEbert.com.

Formado em administração e psicologia. Adora cartoons, animes e series animadas. Atualmente faz curso de desenho com especialização em cartoons.