Simon Pegg fala do apelo entre Star Trek e Marvel nos cinemas

Simon Pegg em Star Trek (Divulgação)

Criada por Gene Roddenberry e iniciada em 1966, Jornada nas  estrelas é uma das franquias de ficção científica mais populares e trouxe diversas histórias contadas através de séries e filmes. Simon Pegg faz parte deste vasto universo, onde interpretou o personagem Montgomery “Scotty” Scott em três filmes Star Trek. Recentemente, o ator deu uma entrevista para o Collider onde falou dos filmes de Star Trek e também falou da diferença de apelo que a franquia tem em comparação com os filmes da Marvel.

Simon Pegg afirmou: “O fato é que o apelo de Star Trek é um pouco mais de nicho do que o apelo dos filmes da Marvel, que ganham enormes quantias de dinheiro, e têm esse apelo muito, muito amplo e eles se saem muito bem. Eu acho que Star Trek é apenas um pouco mais de nicho, por isso não vai atingir esse tipo de número. Então, a coisa mais óbvia a fazer seria não ir para esse espetáculo maciço, para algo um pouco mais contido na veia da série original. Sim, isso seria uma coisa brilhante a se fazer, e tenho certeza de que provavelmente já foi discutido … Você se especializa um pouco mais. Talvez a TV seja um lugar melhor para [Star Trek] agora. A televisão evoluiu muito. Tornou-se algo que é muito contemporâneo, um ponto do cinema. É simplesmente visto de uma maneira diferente. Não é um escopo reduzido”.

Star Trek atualmente conta duas séries, Discovery e Picard que podem ser vistas no CBS All Access. Para o futuro estão sendo produzidas mais duas séries, Strange New Worlds, que será focado nos personagens Spock, Número  e Pike, além da série animada Lower Decks.

O mais recente trabalho de Simon Pegg é Inheritance, um filme de suspense que deve estrear em junho deste ano. O longa metragem tem direção de Vaughn Stein e o elenco também conta com Lilly Collins, Chace Crawford, Connie Nielsen e Patrick Warburton.