Sobrecarga por causa de isolamento DERRUBA Hulu

Hulu

Não por acaso as plataformas de streaming estão diminuindo a qualidade de seus vídeos, mesmo para quem assina para ter imagens de altíssima definição. Isso ocorre por conta do elevado número de pessoas em casa buscando opções de entretenimento neste momento difícil.

Como sabido, o surto de coronavírus se tornou uma pandemia mundial e tem causado milhares de mortes, e a única opção para tentar frear esse caos é permanecer em casa para diminuir a propagação do vírus. E como consequência disso tudo, o Hulu acabou ficando fora do ar em razão da sobrecarga.

O Hulu atualmente está disponível somente na América do Norte, e na localidade os usuários acabaram ficando sem os serviços da empresa momentaneamente. Como consequência, os assinantes da plataforma foram para as redes sociais relatar as dificuldades enfrentadas, até que o Hulu conseguiu voltar ao ar.

“A Hulu caiu”, disse um. “A Hulu caiu ou foi só comigo? Me dá um tempo, estamos presos em casa”, questionou outro. “Eu assinei a Hulu Live para assistir duas semanas de esportes e agora tudo caiu”, relatou um terceiro. “Hulu, porque, porque a Hulu caiu?”, quis saber um quarto usuário.

A propósito, essas são as séries que tiveram suas produções interrompidas por conta do coronavírus: Falcão e Soldado Invernal, Riverdale, The Morning Show, Grey’s Anatomy, One day at a time, NCIS, NCIS: Los Angeles, NCIS: New Orleans, Young Sheldon, Mom, All Rise, Bull, The Good Fight, Dynasty, The Foundation, Grace and Frankie, Rutherford Falls. Boneca Russa e Little America.

Ted Sarandos, diretor de programação da Netflix, disse durante entrevista para o canal de notícias CNN se a empresa vai adiar estreias de atrações já finalizadas: “Estamos bem adiantados em relação ao conteúdo que já estava programado para as próximas semanas. Como disponibilizamos todos os episódios de uma vez, já está tudo pronto. Temos estoque de estreias suficiente para os próximos meses. O único problema é se a pandemia continuar por muito tempo, então sofreremos baixas nos meses finais de 2020 porque paralisamos as gravações desde o dia 16.”.

Jornalista especializado em entretenimento, consumista de streaming e cinemaníaco de carteirinha.