Jim Carrey em “Sonic” (Divulgação)

As polêmicas envolvendo a nova adaptação do game Sonic não foram poucas, especificamente envolvendo a aparência do personagem. Entre alterações e mudanças na data de lançamento, o filme tem apresentado diversos problemas. Agora, o ator e comediante Jim Carrey vem pela primeira vez a público dar a sua opinião.

É algo interessante. [O filme] acaba se tornando o monstro do Frankenstein sabe? Eu não sei bem como me sinto com o público fazendo parte da criação de uma coisa enquanto ela ainda está acontecendo. Às vezes a consciência coletiva decide que quer algo, e quando consegue, é tipo, ‘Ok, eu só queria isso, não estava realmente investido. Só dei um de maria vai com as outras’“, declarou ele, que interpreta o Doutor Eggman, durante evento da Associação de Críticos de Televisão para promover sua série “Kidding” exibida pelo Showtime. Mas Jim garante que não tem perdido o sono pensando sobre o assunto. “Eu não me preocupo muito com as coisas depois que faço a minha parte. Vai acontecer como tiver que acontecer“, afirmou.

Envolvimento

Mesmo mantendo uma atitude relaxada, o ator deixou sua visão bem clara: “Eu acredito nos autores, acredito nos criativos. Acredito em deixá-los fazer o que sabem. Quanto a um personagem como o Sonic, isso é algo pelo qual as pessoas sentem um senso de propriedade grande desde a infância. Então, é claro, eles estarão tão envolvidos quanto puderem. Veremos se isso será uma coisa boa ou ruim no fim das contas“. De acordo com o último anúncio da Paramount, o live action dirigido por Jeff Fowler irá estrear em 14 de fevereiro de 2020.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui