Bloodshot (Imagem: Divulgação)
ANÚNCIO

A pandemia do novo Coronavírus afetou a trajetória de Bloodshot pelos cinemas, por isso a Sony Pictures resolveu adiantar o lançamento digital do filme para o dia 24 de março. No mesmo dia, o estúdio também disponibilizou no YouTube os primeiros 9 minutos do longa estrelado por Vin Diesel.

Confira:

Baseado nos quadrinhos da Valiant Comics, criado por Kevin VanHook, Yvel Guichet, Don Perlin e Bob Layton, o longa de ação e aventura conta com a direção de Dave Wilson e roteiro de Jeff Wadlow (Kick-Ass 2) e Eric Heisserer (Bird Box).

A trama segue o ex-soldado Ray Garrison (Diesel), que retorna dos mortos por meio de um experimento do governo, após ser morto em combate. De volta à vida na forma de Bloodshot, uma máquina aprimorada com nanotecnologia, ele não possui lembranças da vida anterior. Mas o passado não ficará longe por muito tempo. Algumas memórias irão retornar e com isso surgirá o desejo de vingança e busca por respostas para a sua morte e da sua esposa.

Sam Heughan (Outlander), Eiza Gonzalez (Em Ritmo de Fulga), Guy Pearce (A Christmas Carol), Talulah Riley (Orgulho e Preconceito), Alex Hernandez (Unreal), Toby Kebbell (Vingança Redentora) e Lamorne Morris (New Girl) completam o elenco.

Cartaz nacional de Bloodshot (Imagem: Divulgação)

 

Recepção

O longa foi lançado em um momento que o novo Coronavírus começava a se espalhar pelos Estados Unidos e por vários países, o que causou o fechamento de muitos cinemas. Com um orçamento de US$ 45 milhões, o filme arrecadou US$ 9,1 na sua estreia nos EUA. No total, faturou apenas US$ 28,4 milhões nas bilheterias mundiais.

Já as críticas não foram as melhores. E no Rotten Tomatoes, por exemplo, possui uma aprovação de apenas 30%, com base em 132 avaliações. O consenso afirma: “Bloodshot dá a Vin Diesel uma sólida oportunidade de entrar em ação da velha escola que deve satisfazer os fãs, mesmo que o resultado final seja decepcionantemente medíocre”.

Confira algumas das críticas:

“Diesel atinge o equilíbrio certo de contemplação e leveza, e Guy Pearce traz mais convicção do que o necessário.” – Ben Kenigsberg, New York Times.

“‘Bloodshot’ é um filme de ação animado e divertidamente estúpido, que recebe uma dose extra de atmosfera pela presença de Vin Diesel.” – Mick LaSalle, San Francisco Chronicle.

“Quando a melhor coisa de um filme de ação é o uso de uma ótima música de 43 anos de Talking Heads, você sabe que está com problemas.” – Cary Darling, Houston Chronicle.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui