Sony toma atitude sobre estreia da comédia romântica The Broken Hearts Gallery

The Broken Hearts Gallery (Imagem: Divulgação/ Sony Pictures)

Depois da Warner Bros. remover Tenet do calendário de lançamentos, foi a vez da Sony Pictures fazer alteração na estreia da comédia romântica The Broken Hearts Gallery. Segundo informações da Variety, o filme também teve o lançamento adiado indefinitivamente. Estrelado por Dacre Montgomery (Stranger Things) e Geraldine Viswanathan (Bad Education), o longa já havia sido adiado anteriormente.

Inicialmente marcada para 10 de julho nos Estados Unidos, a estreia foi reagendada para o dia 17 do mesmo mês e depois para 7 de agosto. Agora, fica temporariamente sem uma data. No entanto, a Sony continua comprometida em fazer o lançamentos da comédia romântica nos cinemas. Com Selena Gomes como uma das produtoras executivas, The Broken Hearts Gallery marca a estreia de Natalie Krinsky (Gossip Girl) na direção de longa-metragens.

A trama giram em torno de Lucy (Viswanathan), uma assistente de curadora de um museu de Nova York que, após ter o coração partido pelo namorado, decide criar uma exposição com objetos relacionados a términos. Colecionadora compulsiva, a jovem não consegue deixar o relacionamento no passado e então tem a ideia de criar uma coleção com vários objetos ligados ao fim do namoro. Depois de escrever sobre a ideia em seu blog, o projeto chama a atenção de diversas pessoas. No entanto, no meio do caminho, Lucy esbarra com Nick (Montgomery), que cede seu apartamento para a exposição. O encontro ainda pode reservar um novo início no amor para a dupla.

Além de Montgomery e Viswanathan, o elenco também conta com Molly Gordon (Fora de Série), Phillipa Soo (Hamilton), Suki Waterhouse (Amores Canibais), Utkarsh Ambudkar (A Escolha Perfeita), Arturo Castro (Broad City), Ego Nwodim (Saturday Night Live), Taylor Hill (Muito Velho para Morrer Jovem) e Bernadette Peters (The Good Fight).

Assista ao trailer de The Broken Hearts Gallery:

Formada em Jornalismo pela Universidade Federal de Ouro Preto (UFOP), apaixonada por literatura, cartas e pela magia do cinema. Escritora de histórias e trajetos dos amores.