Spoilers sobre Homem-Aranha 3? Saiba o que Tom Holland tem a dizer

Tom Holland (Reprodução)

Embora conhecido por soltar alguns spoilers dos filmes da Marvel, Tom Holland tem permanecido calado quando o assunto é o enredo de próximo filme do Homem-Aranha, em uma recente entrevista ao site Hey U Guys, o intérprete de Peter Parker foi questionado sobre o que os fãs podem esperar da sequência.

“Eu já sei tudo [sobre o filme] agora. eu tive uma grande reunião com a Marvel e a Sony há cerca de duas semanas e me contaram todos os segredos. mas também já fiz milhares de entrevistas e aprendi a manter a boca fechada. Prometo que não vou estragar mais um filme”, afirmou ele.

Entretanto, uma declaração do ator em 2017 assegura que o filme deve se passar enquanto o herói teioso estiver em seu terceiro ano do ensino médio, além disso, na mesma ocasião, Holland afirmou que um quarto filme do Homem-Aranha está nos planos da Marvel.

Kevin Feige, por sua vez, afirmou que o terceiro capítulo na saga seria “uma história de Peter Parker que nunca foi feita nos cinemas”. O próximo filme do Homem-Aranha está agendado para estrear em julho de 2021.

Cobrança

O CEO da Disney Bob Iger atribuiu a Tom Holland o acordo feito com a Sony para ter o Homem-Aranha nos próximos filmes do Universo Cinematográfico da Marvel (MCU) . A declaração foi feita durante o evento de lançamento do novo filme da Pixar, Onward, em que o intérprete do herói dubla a voz de um dos protagonistas.

“Tivemos um evento chamado D23, e Tom estava lá porque ele é uma voz em Onward. Ele disse algo no palco, e ficou claro que os fãs queriam Tom de volta como Homem-Aranha, feito pela Marvel e por nossa equipe de produção da Marvel ”, começou Iger.

“E depois do D23, Tom procurou pessoas que trabalham para mim e disse: ‘Posso ter o endereço de e-mail ou o número de telefone de Bob?’ Claro, estou muito protegido, então e esses funcionários foram muito cuidadosos comigo. Eu disse: ‘Claro, peça para ele entrar em contato comigo’, e ele o fez”, continuou.

“Nós falamos. E ele basicamente… chorou ao telefone… não, na verdade não (risos). Mas estava claro que ele se importava muito com aquilo. E, na verdade, nos preocupamos com ele. Eu senti por ele, e ficou claro que os fãs queriam que isso acontecesse. Então, depois que telefonei para ele, fiz algumas ligações para a nossa equipe no Disney Studios e decidi ligar para o chefe da Sony, e disse: ‘Temos que descobrir uma maneira de fazer isso, para Tom e para os fãs. E nós fizemos. Foi assim que aconteceu… Às vezes, quando as empresas estão negociando umas com as outras, elas meio que esquecem que há outras pessoas no meio do processo”, completou.

 

Comentários