Spotify fecha parceria ambiciosa para transformar podcasts em filmes e séries

O Spotify firmou parceria com a Chernin Entertainment para lançar adaptações de podcasts para séries e filmes (Imagem: Divulgação)

O Spotify firmou parceria com a produtora Chernin Entrertainment para adaptar os inúmeros podcasts, que fazem parte da sua plataforma para produções do cinema e da TV. O acordo visa transformar a lista de 250 produções originais que faz parte do serviço de música disponíveis como a mais nova provedora de Hollywood.

O presidente da produtora, Peter Chernin, revelou em entrevista à revista Hollywood Reporter, que o suporte financeiro e os direitos de cada produção serão divididos entre as duas partes envolvidas. “Se você é um produtor independente, a coisa mais importante do mundo para você é PI (propriedade intelectual)”, disse Chernin. “Eu comecei a pensar e percebi que estamos falando possivelmente da maior coleção, e a que está crescendo mais rápido, de PI do universo”, complementou.

O primeiro trabalho, fruto desta parceria entre o Spotify e a Chernin já está a caminho. Trata-se de The Clearing, um dos programas mais aclamados da popular plataforma de streaming de música e áudio. Em comunicado oficial, o atual chefe de conteúdo do Spotify Dawn Ostroff comentou sobre as intenções deste novo negócio.

”No Spotify, nós acreditamos que o extraordinário crescimento do áudio vai atrair os maiores criadores de conteúdo do mundo e colocar o podcast como destino privilegiado de PI original”, declarou Ostroff.

Apesar do acordo prometer a entrega de um novo fôlego das produções hollywoodianas, a adaptação de podcasts para outras mídias não é uma novidade na indústria. É o exemplo de tramas como Homecoming, da Amazon Prime Video, e Dirty John, da Netflix, ambas antes de serem transformadas em séries de sucesso faziam parte das plataformas de áudio. 

Um dos mais recentes a migrar da podosfera para o audiovisual é o erótico Dirty Diana, sucesso na Apple que será adaptado agora para o Prime Video.  

Amante das diversas formas de expressão cultural. Viciado em séries, e sempre por dentro das últimas novidades do cinema. Ama dramas e sempre tenta dar uma oportunidade para as fantasias, distopias e os longas de ação e terror.