Star Wars: curiosidades nunca antes reveladas do sabre de luz de Rey

Rey (Daisy Ridley) em Star Wars: A Ascensão Skywalker (Reprodução / LucasFilm)
Rey (Daisy Ridley) em Star Wars: A Ascensão Skywalker (Reprodução / LucasFilm)

Um dos itens de maior destaque na mais recente trilogia Guerra nas Estrelas é o saber de luz de Rey. O sabre foi construído pela própria protagonista, além de ter a lâmina de cor amarela. De acordo com o site Legião dos Heróis, o livro Star Wars: The Lightsaber Collection, trouxe mais detalhes sobre o sabre de luz construído pela personagem de Daisy Ridley.

O livro descreve o seguinte:

“Depois de derrotar o espectro dos Sith em Exegol, Rey segue uma jornada pelos desertos de Tatooine para enterrar o Sabre de Luz que foi carregado por Leia Organa e Luke Skywalker. Depois de completar esse ritual, Rey revela um sabre de luz criado por ela mesma – e anuncia sua intenção de carregar o legado dos Jedi como Rey Skywalker.

Rey criou seu novo Sabre de Luz usando peças de armas similares: o bastão que ela carregou enquanto vivia das sucatas de Jakku. O bastão, que Rey carregava preso em suas costas quando não estava sendo usado, agia como uma arma eficaz contra animais selvagens e ladrões, até que diversificou seus equipamentos ao conseguir um Sabre de Luz em Star Wars: Os Últimos Jedi.
A forma blocada no fim do cajado é replicada neste sabre, que usa uma engrenagem rotativa para ativar a lâmina, ao invés de um interruptor de ignição. Seu exterior pesado e robusto faz com que ele seja resistente ao impacto e tenha mais durabilidade.
No filme, o Sabre de Luz de Rey projeta uma luz amarela, ainda que isso seja uma novidade nos filmes de Star Wars, os guardas nos Templos Jedi das animações de Star Wars tinham lâminas amarelas em seus sabres”.
Star Wars: The Lightsaber Collection (Divulgação)
Star Wars: The Lightsaber Collection (Divulgação)
Anteriormente em uma entrevista, Phil Szostak, o gerente de arte criativa da LucasFilm, falou um pouco sobre os planos do Sabre de Luz de Rey: “O sabre de luz seria mais do que apenas um tiro no final. Haveria uma subtrama ao longo do filme, mostrando Rey trabalhando nisso em seu banco, usando os textos Jedi como guia”.

Formado em administração e psicologia. Adora cartoons, animes e series animadas. Atualmente faz curso de desenho com especialização em cartoons.