Star Wars: Daisy Ridley faz afirmação polêmica sobre Rey e Kylo Ren

Kylo Ren e Rey em Star Wars (Reprodução)

Um dos pontos mais controversos da nova trilogia Star Wars com certeza é o relacionamento entre Rey e Kylo Ren, vivido por Daisy Ridley e Adam Driver. A tensão que começou em ‘O Despertar da Força’ e atingiu novos patamares em ‘O Últimos Jedi’, preocupa boa parte dos fãs, e segundo Ridley, pode ser tóxica.

A forte ligação que existe entre os personagens é amplificada pela presença da Força, que atua para equilibrar os poderes do lado luminoso e negro de cada um deles. Em nova entrevista à Entertainment Weekly, a atriz diz que o tema será bem explorado no último filme.

O J.J. [Abrams] lida com esse assunto [em A Ascensão Skywalker]. É algo bem complexo. As pessoas falam sobre relacionamentos tóxicos e esse tipo de coisa. Isso não é piada e eu acho que é explorado muito bem e não é simplesmente feito de qualquer jeito”, disse ela, que também comentou sobre a reação do público.

Isso não me incomoda, que as pessoas criem teorias. É divertido ouvir. Especialmente porque eu sei o que vai acontecer, e acho que será interessante ver a reação das pessoas ao final. Obviamente a coisa do Reylo [junção de Rey e Kylo] é algo pelo qual muita gente se apaixonou, e outros nem tanto”, afirmou.

Resolução

Muito é especulado sobre como J.J planeja encerrar a trilogia, seja com a redenção de Kylo, cuja verdadeira identidade é Ben Solo, por Rey, um tema bastante recorrente na franquia – a ver, Luke Skywalker que conseguiu redimir seu pai, Anakin Skywalker/Darth Vader, entre outros.

Há também aqueles que acreditam que a sua passagem para o lado negro é realmente sem volta, e que o próximo longa selará seu destino como vilão, provavelmente culminando em sua morte. Essas e várias outras dúvidas serão respondidas quando o filme chegar aos cinemas em 20 de dezembro.

 

Cresceu vendo filmes ao invés de brincar na rua. Fã de ir ao cinema sozinha. Críticas e notícias sobre o mundo do entretenimento.

bostancı escort