Stephen King dá o seu veredito sobre reboot de Creepshow

Creepshow
Cena de trailer de Creepshow, da Shudder (Reprodução/YouTube – Shudder)

Qualquer que seja o reboot ou sequência, ele deve ter sempre dois objetivos: agradar o público fã do original, e acima de tudo, demonstrar respeito ao criador ou criadores. Felizmente, com a nova série Creepshow a equipe parece ter acertado em cheio.

O lendário escritor Stephen King usou as redes sociais no último fim de semana para elogiar a produção, inspirada no filme que ele escreveu, dirigido por George Romero e lançado em 1982. “O primeiro episódio de Creepshow (no canal Shudder) é realmente um reboot excelente do filme que eu e o George fizemos no passado. Deus abençoe a Adrienne [Barbeau] e nossa, quantos Easter eggs!”, escreveu ele.

O episódio em questão é uma adaptação direta de “Gray Matter”, um conto que King escreveu especialmente para a série, no qual uma terrível tempestade de aproxima de uma pequena cidade, quando um garoto entra em um mercado procurando comprar cerveja para o pai. Ao ser investigado pelo chefe de polícia local, o verdadeiro e aterrorizante mistério é revelado.

Não poderia ser o Creepshow sem uma história do Stephen King”, comentou Nicotero. E embora o autor não tenha um envolvimento muito maior na produção, seu apoio teria sido essencial. “Mandamos um monte de coisas pra ele, e ele tem nos apoiado muito, tem sido ótimo sobre tudo isso. Tipo, ‘Qualquer coisa que vocês precisarem'”. O elenco conta com David Arquette, Tobin Bell, Big Boi, Jeffrey Combs, Kid Cudi, Bruce Davison, Giancarlo Esposito, entre outros.

Mais criações

Um dos escritores mais prolíferos do gênero, King está em ótima fase com várias das suas obras sendo adaptadas no momento, tanto para o cinema quanto para a tv. Os filmes “Campo do Medo” (Netflix) e “Doutor Sono”, além das séries “A Dança da Morte” para a CBS, e o novo “The Institute”, que ainda não tem canal ou plataforma.

Além de tudo isso, a sequência “It: A Coisa 2”, estrelado por Bill Skarsgård, se tornou um dos maiores lançamentos originais do ano, arrecadando mais de 400 milhões de dólares nas bilheterias.

 

Cresceu vendo filmes ao invés de brincar na rua. Fã de ir ao cinema sozinha. Críticas e notícias sobre o mundo do entretenimento.

ankara escort