Steve Alpert relembra chilique que Harvey Weinstein deu por causa de Princesa Mononoke

Harvey Weinstein (Foto: Divulgação)
Harvey Weinstein (Foto: Divulgação)

O Studio Ghibli, de Hayao Miyazaki, é um dos estúdios de animação mais prestigiados do mundo, tendo produzido diversos sucesso como Ponyo, A Viagem de Chihiro, O Castelo Animado, Meu Amigo Totoro. Porém, segundo uma matéria do site Cartoon Brew, Princesa Mononoke causou um grande tumulto entre o estúdio japonês e o seu distribuidor no Estados Unidos na época, a Miramax.

Steve Alpert, ex-chefe da divisão internacional do Studio Ghibli, relembrou o conflito em sua biografia Sharing a House with the Never-Ending Man: 15 Years at Studio Ghibli. Harvey Weinstein, o chefe da Miramax, queria reduzir Mononoke de 135 para 90 minutos, mas Miyazaki não atendeu ao pedido.

Quando Alpert disse que Miyazaki não gostaria que seu filme fosse cortado, Weinstein ficou furioso: “Se você não cortar a p**** do filme você nunca vai trabalhar nessa p****de indústria de novo! Você tá me entendendo, c******? Nunca”. Mesmo com o chilique de Harvey Weinstein, o Studio Ghibli além de não atender o pedido ainda entregou o filme completo para a Miramax.

Ainda de acordo com The Guardian, o acontecimento deu origem a um rumor de que Hayao Miyazaki enviou para Weinstein uma espada samurai com um bilhete escrito “sem cortes”. Logo em seguida Miyazaki esclareceu: “Na verdade foi meu produtor que fez isso. Embora eu tenha ido a Nova York para conhecer esse homem, esse Harvey Weinstein, e eu fui bombardeado com esses ataques agressivos, todos essas exigências de corte. Eu o derrotei”.

Princesa Mononoke se concentra em Ashitaka, um jovem príncipe que é amaldiçoado por um demônio. Enquanto uma busca para encontrar uma cura, ele encontra um bando de lobos liderado pela deusa Moro. Entre eles, está uma garota chamada San, que foi criada pelos lobos. Atualmente, o filme está disponível para transmissão na HBO Max e na Netflix.

Sharing a House with the Never-Ending Man: 15 Years at Studio Ghibli estará disponível para compra em 16 de junho.