Oi? Teoria sobre Frozen 2 revela que Elsa pode ser uma mutante de X-Men

Elsa em Frozen 2
Elsa em Frozen 2 (Reprodução)

Frozen 2 é indiscutivelmente um sucesso, e levou elementos tanto de fantasia como de ficção científica para a telona: os mais perceptíveis foram a manipulação dos quatro elementos naturais como em Avatar: The Last Airbender e a descoberta de um quinto elemento, como filme de mesmo nome. Mas uma nova teoria que surge entre os fãs dá conta de que Elsa pode estar relacionada aos mutantes de X-Men da Marvel.

Parece estranho? E Realmente é se levarmos em conta que a história das duas irmãs pertencentes à nobreza de Arendelle se passa em 1839, muitos anos antes do nascimento do Wolverine e de qualquer membro da subespécie Homo geneticamente divergente. Até porque nesta época, qualquer pessoa que manifestasse qualquer sinal diferente era logo ligada a algum tipo de possessão demoníaca e levada à fogueira sob acusação de bruxaria.

Mas a teoria sustenta que os poderes de Elsa, que parecem mágicos, são na verdade as mesmas habilidades manifestadas por Bobby Drake, conhecido na Marvel como Homem de Gelo, sugerindo que a rainha, ou seja, uma ancestral direta dele, ou simplesmente uma mutante cujo gene X se expressa da mesma forma.

E as teorias não param por aí. Em determinado momento do filme, Anna, a irmã mais nova de Elsa e aparentemente sem poderes, também mostra uma habilidade incomum ao levantar um busto de pedra enquanto canta The First Time In Forever (no primeiro filme), como se fosse um peso de papel. Isso levou os fãs a acreditarem que ela teve seus plenos poderes retirados pelo trolls, primeiros representantes da ilha de Krakoa.

https://www.youtube.com/watch?v=EgMN0Cfh-aQ

Kristoff, aparentemente um humano comum também tem sua parcela X-Men, já que conversa com sua rena, Sven, e pode ser apresentado como ‘zoolingualista’, algo não diferente da garota esquilo. Será que agora que marca X-Men pertence a Disney, é possível que alguma dessas teorias vire verdade? O fato é que Frozen 2 fez a empresa faturar 1,44 bilhão em bilheteria, um grande sucesso assim como o primeiro longa de 2013, que faturou 1,28 bilhão de dólares. Vale lembrar que o orçamento de ambos os filmes foi de 300 milhões de dólares.