Tom Holland plano incrível da Sony caso Homem-Aranha saísse do MCU

Homem-Aranha: Longe de Casa (Imagem: Divulgação)

Recentemente, Bob Iger, ex- CEO da Disney falou que cobraria do ator Tom Holland uma cerveja por ter salvado o Homem-Aranha. Acontece que os fãs estavam receosos que com as negociações entre Fox e Disney, a Marvel, agora pertencente à Casa do Mickey Mouse rompesse sua parceria com a Sony, e os filmes do Spider deixassem de fazer parte do MCU (Universo Cinematográfico da Marvel). Durante as coletivas de imprensa para divulgar o novo filme da Pixar, Onward, em que ele dubla um dos protagonistas, Tom Holland explicou que a Sony tinha um plano de contingência caso o acordo entre as empresas viesse a desmoronar.

Segundo o ator, a empresa tinha uma ideia que ele considerou maravilhosa, que consistia em criar o próprio universo com base no Homem-Aranha. “O futuro do Homem-Aranha ainda era muito brilhante para a Sony. Tínhamos uma ideia realmente maravilhosa de como poderíamos fazer a transição para um Homem-Aranha sem o MCU”, começou ele em conversa com a MTV Internacional. “Tom Rothman e Amy Pascal estavam realmente confiantes de que iriam fazer justiça e fazer um filme com o calibre exigido pelo Homem-Aranha”.

“Mas, dito isso, estou realmente feliz por estar de volta ao MCU e por ter o time novamente reunido, porque eu meio que sinto que é onde ele pertence agora. Estou muito agradecido por Bob Iger e Tom Rothman me terem permitido fazer parte do processo de trazê-lo para casa. Foi uma experiência muito legal e também, agora tenho o direito de me gabar: eu salvei o Homem-Aranha”, brincou ele relembrando que no ano passado chegou a pedir o telefone de Bob Iger, e ligou para ele bêbado para pedir ajuda para reatar o acordo da Marvel/ Disney com a Sony e manter o MCU intacto.

“Eu estava realmente bêbado. Vi Bob Iger há alguns dias em Los Angeles e disse a ele: ‘Quando você vier a Londres, quero levá-lo ao pub para tomar uma cerveja e podemos conversar sobre o Homem-Aranha continuar a ser uma franquia incrível para a Disney e a Sony”. Com próximo filme marcado para estrear em julho de 2021, não se sabe ainda se as histórias de Peter Parker chegarão a interligar com os enredos dos filmes da Sony como Morbius e Venom 2.