Vai morrer? Khary Payton como câncer afetará Ezekiel em nova temporada de The Walking Dead

Ezekiel (Khary Payton) em The Walking Dead
Ezekiel (Khary Payton) em The Walking Dead (Divulgação/ AMC)

Khary Payton foi uma das estrelas de The Walking Dead que participou do painel virtual da Comic Con na última semana, e falou um pouco sobre a trajetória, e o que acontecerá com seu personagem, rei Ezekiel, na próxima temporada da série. A última vez que ele apareceu na tela, estava acompanhando Eugene (Josh McDermitt), e Yumiko (Eleanor Matsuura) até outra cidade onde iriam se encontrar com Stephanie (Margot Bingham), até que chegaram num lugar abandonado e deram de cara com Princesa (Paola Lazaro). No início da temporada, Ezekiel descobriu que estava com um câncer na tireoide, e que poderia se mudar para outra comunidade.

“Definitivamente, há aspectos de sua vida que ele deseja deixar para trás. Ele tem relacionamentos fracassados, memórias de entes queridos que vieram e se foram, ele construiu uma comunidade e viu tudo meio que ser derrubado. Eu acho que ele está procurando um novo começo, e ele também é um cara que tem um relógio nele. Ele tem um tique-taque no cérebro que diz que não está ansioso por permanecer neste mundo”, começou o ator. “Em um mundo onde ninguém parece ter muito tempo, ele sente que tem menos ainda porque está lidando com esse câncer”.

Quando revelou sua doença a Siddiq (Avi Nash), Ezekiel explicou que seu pai e seu avô sobreviveram quando tiveram a mesma doença, porém era uma época diferente, acontecida antes do apocalipse zumbi, quando tratamentos quimioterápicos ainda eram possíveis. “Ele talvez vá mergulhar no desconhecido e ver o que tem por lá a partir de agora. Porque, às vezes, não há planejamento. Eles dizem: ‘Você nunca sabe até onde a estrada se estende à sua frente, você só precisa começar a dirigir. Vamos ver até onde ele vai”, explicou Payton que ao ser questionado sobre o que faz o personagem ter esperança, disse: “Acho que a adversidade é o que lhe dá esperança”.

“Para mim, vejo Ezequiel olhando tudo isso que aconteceu em sua vida, toda essa perda e todas essas vezes que ele deveria morrer, e isso ainda não o levou”, disse ele. “Eu acho que tudo avançando, todo obstáculo que está no caminho dele, ele pode apontar para o pescoço dele e dizer: ‘O que você vai fazer comigo? Eu poderia cair morto agora, o que mais você vai fazer comigo? Eu também poderia continuar subindo. Isso é Ezequiel em poucas palavras. Ele começou como um cara que era positivo em sua busca pela luz, e acho que ele está se tornando mais agressivo agora em sua busca pela luz. O Reino era essa coisa que ele irradiou para o mundo para alguém vir e encontrar alguma luz, e agora ele está buscando isso”.