Vilões de X-Men em novo Guardiões da Galáxia? James Gunn esclarece possibilidade

James Gunn
James Gunn (Reprodução)

É praticamente regra dentro do Universo Cinematográfico da Marvel que os franquias que não sejam Vingadores, são encerradas após três filmes, com exceção de Thor: Love and Thunder, que é apresentado como o quarto filme, mas que possivelmente será o último do herói, que certamente passará seu martelo para um novo Deus do Trovão.

Sabendo disso, é possível que Guardiões da Galáxia Volume 3, também seja o último filme dos heróis tripulados. O diretor James Gunn, fez através de seu Instagram uma sessão de perguntas e respostas no último sábado (01), e questionado sobre o longa encerrar, a série, ele respondeu: “Se tudo correr como planejado, encerrará as histórias que comecei no primeiro Guardiões”.

Mesmo com a resposta vaga do diretor, significa esta será a última vez que os personagens poderão ser vistos juntos, mas seu futuro individual permanece incerto, já que eles podem ganhar projetos solo no Disney Plus. Segundo o site ComicBook.com, é correto que nem todos os personagens sobrevivam, caso o diretor queira terminar sua jornada de forma mais emocional.

Outra resposta do diretor que chamou a atenção durante o bate-papo tem a ver com a aparição de Galactus, e Surfista Prateado, já que ele foi questionado se os vilões poderiam estar no Volume 3 de Guardiões, agora que a Disney concluiu a compra da Fox, e esse intercâmbio de personagens não será mais um problema. “Tivemos algumas conversas”, ele teria escrito, e apagado posteriormente. Porém, ele afirmou que o roteiro do longa terminou meses antes de a Disney consolidar a Fox como uma empresa de seu guarda-chuva.

O filme que não tem data para ser lançado, ainda nem começou a ser filmado, pois James Gunn está se dedicando às filmagens da sequência de Esquadrão Suicida pelo menos até o final de fevereiro, segundo o próprio. Isso acendeu nos fãs da Marvel a esperança de ver os dois vilões citados acima, acrescentados ao roteiro de Guardiões da Galáxia Volume 3. Mais tarde na mesma rede social devido ao burburinho, Gunn afirmou que nem a pergunta do fã, nem sua resposta existiram.