Vingadores
Vingadores: Ultimato (Imagem: Divulgação)

A Marvel realmente não desiste fácil. Apesar do sucesso enorme de Vingadores: Ultimato, que bateu a impressionante marca de 2.743 bilhões de dólares mundialmente, o filme ainda não conseguiu superar o recorde de “Avatar”, do diretor James Cameron, que faturou 2.788 bilhões. Mas isso parece estar prestes a mudar. Kevin Feige revelou ao ScreenRant durante entrevista para divulgar “Homem-Aranha: Longe de Casa”, que o último Vingadores retornará aos cinemas para um segundo round, dessa vez com algumas novidades.

Feige explicou que não se trata exatamente de uma versão estendida, o conteúdo do filme em si será o mesmo, porém após os créditos o público poderá conferir “uma cena deletada, um pequeno tributo e algumas outras surpresas”, tudo isso a partir já da próxima semana, dia 28, nos cinemas americanos. Ainda não se sabe se esse conteúdo estará disponível no Brasil. A iniciativa é uma maneira de a Marvel chamar os fãs de volta às salas, tanto para tentar finalmente bater o recorde de bilheteria quanto para servir de “esquenta” para o próximo Homem-Aranha que estreia em julho.

Dedicação

E por falar em fãs, uma notícia em especial chamou a atenção recentemente. O mexicano que mora nos Estados Unidos Augustín Alanis assistiu ‘Ultimato” 103 vezes, igualando Tony Mitchell, que entrou para o Livro dos Recordes após o mesmo feito com o longa “Guerra Infinita”. Augustín usou o Twitter para comemorar o feito, afirmando que Tony foi sua inspiração, porém não parou por aí e continuou até ultrapassá-lo, com previsão de alcançar 200 sessões em breve. Seu dia-a-dia consiste em assistir ao filme, que tem duração de 3 horas, duas vezes por dia de segunda a sexta, e em média quatro ou cinco sessões nos fins de semana. Se depender dele, o recorde pretendido pela Marvel certamente será ultrapassado.

 

 

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui