Warner se pronuncia sobre suposta apologia à violência no filme Coringa

Coringa, em foto promocional de Coringa (Divulgação/Warner Bros. Pictures)
Joaquin Phoenix, em foto promocional de Coringa (Divulgação/Warner Bros. Pictures)

A grande estreia dos cinemas nesta semana será de Coringa, que chegará às salas brasileiras nesta quinta-feira, dia 3 de outubro. A estreia do esperado longa-metragem, no entanto, está chamando a atenção de algumas pessoas por uma questão diferente. Isso porque, na semana passada, familiares e vítimas de um ataque ocorrido durante uma sessão do filme Batman: O Cavaleiro das Trevas Ressurge divulgaram uma carta em que se preocupam com a nova produção.

Na mensagem em questão, o grupo demonstra estar bastante consternado e pede para que o estúdio doe parte dos lucros com o novo projeto para grupos de prevenção e ajuda às vítimas de violência armada. “Nós os convidamos para ser parte de um crescente grupo de líderes corporativos que entendem que precisam ter responsabilidade social para nos manter seguros”, diz a carta, que foi publicada no jornal The Hollywood Reporter.

A resposta da Warner Bros.

Warner Bros. decidiu responder à publicação e garante que não defende a violência na vida real. “A violência armada em nossa sociedade é uma questão crítica, e estendemos nossa mais profunda simpatia a todas as vítimas e famílias afetadas por essas tragédias. Nossa empresa tem uma longa história de doações para vítimas de violência, incluindo Aurora, e nas últimas semanas, nossa empresa se juntou a outros líderes empresariais para convidar políticos a lidar com essa epidemia”, diz o comunicado.

O estúdio diz que, ao mesmo tempo, acredita que uma das funções da narrativa é justamente provocar conversas difíceis sobre questões complexas. “Não se engane: nem o personagem fictício Coringa e nem o filme formam um apoio a qualquer tipo de violência no mundo real. Não é a intenção do filme, dos cineastas ou do estúdio manter esse personagem como um herói”, concluiu a nota enviada.

Coringa, que tem o ator Joaquin Phoenix no papel principal, estreia no dia 3 de outubro.

Formado em Marketing, é apaixonado por assuntos relacionados a entretenimento e televisão, no geral. Viciado em redes sociais e conteúdo para a web, acompanha esses tópicos há cerca de 15 anos. Ex-colaborador de outros sites de entretenimento.