Wesley Snipes conta detalhes sobre a sua versão de Pantera Negra

Wesley Snipes (Reprodução)

Há mais de dez anos, muito antes do povo de Wakanda agraciar as telas do cinema no filme Pantera Negra lançado pela Marvel em 2018, uma outra versão da adaptação já estava sendo desenvolvida, dessa vez por Wesley Snipes. Já é sabido que o ator pretendia trazer o herói à vida, porém agora ele compartilhou novos detalhes do projeto.

Em entrevista ao jornalista Kevin McCarthy, Snipes explicou sobre as dificuldades que encontrou ao tentar levar a ideia adiante, uma vez que a trama é largamente baseada em elementos de última geração.

Na época, nós não tínhamos a tecnologia necessária, mas teríamos trabalhado com o Vibranium. A questão da visão de raio X, operações virtuais, tudo isso. Eu realmente queria que o filme refletisse os quadrinhos com a super cidade e a ciência avançada”, contou ele.

Quando o filme finalmente chegou às mãos do diretor Ryan Coogler, do presidente Kevin Feige e cia, com Chadwick Boseman no papel principal, o resultado foi surpreendente, faturando mais de 1.3 bilhão de dólares e se tornando um fenômeno da cultura pop, em especial para a comunidade negra.

Uma vez que não conseguiu realizar o sonho de tirar Pantera Negra do papel, o ator agarrou a chance de viver outro personagem da Marvel, o vampiro híbrido Blade nos cinemas. “Eu achei que seria uma oportunidade legal de fazer algo para os meus amigos. Os amantes das artes marciais, do Shaft”, revelou ele.

Substituto

Agora, como é sabido, outro ator terá a honra de usar a espada e o sobretudo, o talentoso Mahershala Ali. Snipes, por sua vez, fez questão de dar as boas vindas e sua benção à escolha:

Paz à equipe da MCU, sempre fui um fã. Honra e respeito ao grande mestre Stan [Lee]. Parabéns e Salaam para o Mahershala Ali, um artista lindo e talentoso cujas expressões eu aguardo ansiosamente para experimentar por vários anos”, escreveu ele nas redes sociais.

O reboot de Blade ainda não tem previsão de estreia, e os fãs podem aguardar sentados uma vez que, por fazer parte da Fase 5, não chegará antes de 2022.

Cresceu vendo filmes ao invés de brincar na rua. Fã de ir ao cinema sozinha. Críticas e notícias sobre o mundo do entretenimento.