Young Sheldon
Cena do trailer da 3ª temporada de Young Sheldon, da CBS (Reprodução/YouTube – TV Promos)

Atração do canal norte-americano CBS, o produto derivado Young Sheldon, produzido a partir da série The Big Bang Theory e prestes a ter sua terceira temporada estreando na TV, acabou gerando uma despesa extra para sua emissora de exibição. Isso porque o uso não permitido de um sinal sonoro em um episódio da atração fez com que uma multa fosse estipulada para a emissora. O valor exorbitante, equivalente a US$ 272 mil, foi atribuído pela Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em inglês).

As informações são do portal Deadline. Segundo o site do veículo de notícias, Young Sheldon usou uma versão simulada de um aviso sonoro de emergência, característico para casos de tornado. O uso proibido gerou a multa. Em nota, a FCC explicou o acontecido e justificou a aplicabilidade da quantia a ser paga.

“Em 12 de abril de 2018, a CBS transmitiu um episódio de Young Sheldon através de pelo menos 227 estações de televisão, incluindo 15 das estações de televisão próprias e operadas pela CBS. O episódio incluiu um efeito sonoro que acompanha um aviso de tornado, que os produtores modificaram, mas ainda se assemelhava aos tons reais do EAS [Sistema de Alerta de Emergências, na sigla em inglês]”, diz a nota.

E segue: “A FCC entendeu que as modificações da CBS nos tons do EAS não permitiam a transmissão do sinal porque os elementos de áudio usados no episódio eram substancialmente semelhantes aos tons reais da EAS”.

A CBS não se pronunciou. A partir de agora, pela regulação, a emissora terá a oportunidade de responder. Em seguida, a FCC considerará a apresentação das evidências e dos argumentos legais ofertados pela emissora antes de ir além na resolução do conflito.

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui