Young Sheldon
Cena do trailer da 3ª temporada de Young Sheldon, da CBS (Reprodução/YouTube – TV Promos)

Atração do canal norte-americano CBS, o produto derivado Young Sheldon, produzido a partir da série The Big Bang Theory e prestes a ter sua terceira temporada estreando na TV, acabou gerando uma despesa extra para sua emissora de exibição. Isso porque o uso não permitido de um sinal sonoro em um episódio da atração fez com que uma multa fosse estipulada para a emissora. O valor exorbitante, equivalente a US$ 272 mil, foi atribuído pela Comissão Federal de Comunicações (FCC, na sigla em inglês).

As informações são do portal Deadline. Segundo o site do veículo de notícias, Young Sheldon usou uma versão simulada de um aviso sonoro de emergência, característico para casos de tornado. O uso proibido gerou a multa. Em nota, a FCC explicou o acontecido e justificou a aplicabilidade da quantia a ser paga.

“Em 12 de abril de 2018, a CBS transmitiu um episódio de Young Sheldon através de pelo menos 227 estações de televisão, incluindo 15 das estações de televisão próprias e operadas pela CBS. O episódio incluiu um efeito sonoro que acompanha um aviso de tornado, que os produtores modificaram, mas ainda se assemelhava aos tons reais do EAS [Sistema de Alerta de Emergências, na sigla em inglês]”, diz a nota.

E segue: “A FCC entendeu que as modificações da CBS nos tons do EAS não permitiam a transmissão do sinal porque os elementos de áudio usados no episódio eram substancialmente semelhantes aos tons reais da EAS”.

A CBS não se pronunciou. A partir de agora, pela regulação, a emissora terá a oportunidade de responder. Em seguida, a FCC considerará a apresentação das evidências e dos argumentos legais ofertados pela emissora antes de ir além na resolução do conflito.

Comentários

Comentários

COMPARTILHAR

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui