Zachary Levi conta que contrariou presidente da DC ao interpretar Shazam

Zachary Levi
Zachary Levi (Reprodução)

O filme Shazam!, sucesso da Warner Bros., e DC Films em 2019 teve sua grande inspiração nos quadrinhos Os Novos 52, de Geoff Johns, publicados a partir de 2011, mas o protagonista do filme, Zachary Levi disse que se inspirou em outra história ao interpretar o herói.

“Assim que consegui o emprego, Geoff Johns me enviou um monte de coisas e outras coisas recomendadas. Eu queria ler essas coisas para me familiarizar, mas também para ver se havia pequenas pepitas ou pequenas coisas”, disse Levi, que revelou que percebeu que o mundo em que o longa se passava era bem diferente do universo do Capitão Marvel (antigo nome do Shazam), que ele conhecia.

“A verdade é que os Novos 52 não são realmente um cânone para isso, porque isso é ainda diferente do que esses quadrinhos são”. Segundo ator, ao longo de sua preparação, ele conseguiu encontrar outros quadrinhos com Shazam, que ele leu, e acabou gostando tanto que releu.

Sua grande inspiração foi uma história que leu chamada Kingdom Come, escrita por Alex Ross e Mark Waid, e que ele diz que guiou mais sua atuação que os materiais enviados pelo então diretor da DC Comics.

“Gostei bastante de Kingdom Come. Mesmo que seja uma situação completamente diferente, isso mostra a inocência do Capitão Marvel. Ele é adulto e ainda tem esse coração de criança. E eu pensei: ‘Oh, isso é uma coisa tão legal de se entender’. E, no final das contas, é um movimento de sacrifício no final e tudo o que acabei de descobrir foi mais inspiração para mim do que o Os Novos 52 de várias maneiras”, disse.

“Nos quadrinhos se desenha o que quiser e você, como leitor, coloca uma voz real na sua cabeça para esses personagens”, acrescentou Levi. “Mas no cinema, como ator, você realmente precisa dar vida à maneira mais realista possível. E isso é uma coisa muito estranha de se fazer.”, completou.