Geraldo Luís volta ao ar na Record após covid-19 e se emociona em desabafo

Após enfrentar batalha pela vida, Geraldo Luís voltou ao ar na Record nesta segunda-feira (07) no comando do Balanço Geral Manhã. Aos 50 anos, o apresentador, que passou por internação após contrair covid-19, comemorou sua volta ao ar.

Geraldo iniciou o telejornal matutino da Record fazendo um agradecimento. Isso porque, em fevereiro, ele testou positivo para coronavírus e teve sintomas graves. Ele permaneceu internado no hospital durante 22 dias e chegou a ser intubado.

“Fiquei pensando assim: Como vou dar o meu ‘bom dia’ para você? Como eu vou poder olhar para cada um de vocês nessa volta e dizer obrigado? Cada cantinho desse programa tem um pedaço do Geraldo, tem uma história nossa. Estou voltando para o chão, para a minha terra”, iniciou.

“Tenho que te agradecer, porque você está vendo aqui o fruto de um milagre. Você está vendo um cara que não era para estar aqui. Mas graças à bondade divina e a oração de todos vocês estou aqui. Muito obrigado”, agradeceu Geraldo Luís.

O apresentador ainda falou sobre seu retorno ao matinal que já comandou no passado e ao qual retorna como uma aposta da Record para voltar a vencer o SBT no Ibope. Mas de acordo com ele, não é só pela audiência.

“Começo hoje um novo desafio. Não é só a audiência que nós temos que ir buscar. É algo muito mais importante que a TV brasileira precisa cada vez mais, que é de gente como vocês. A partir de hoje, nós vamos acordar e balançar juntos. Estou de volta e muito feliz”, declarou ele.

Geraldo Luís volta ao ar após afastamento da Record e vacina

Com covid-19, Geraldo foi afastado da Record no final de fevereiro. Por causa disso, ficou impedido de comandar o A Noite é Nossa, seu programa de auditório semanal exibido no horário nobre. Agora, ele volta ao ar após ter recebido a vacina contra o coronavírus.

“Finalmente vacinado! Demorou…mas chegou o dia. Quase morri dessa doença, esperei a vacina mas não deu tempo de ter escapado da violência que sofri desse vírus.

Quase perdi minha vida, mas sobrevivi por Deus e pela ciência. Hoje tomei a primeira dose da vacina Pfizer. Desejo que todos tenham esse direito e logo, já demorou.

Viva a vida! Vida que segue. Ao meu filho minha admiração de ter ficado comigo desde cedo na fila, comemorando cada momento desse dia de hoje. Vacina pra todo esse povo e logo!”, escreveu Geraldo Luís nas redes sociais em meados de maio.

Vitor Peccoli
Publicitário, roteirista formado pela Casa Aguinaldo Silva de Artes. Escreve sobre TV e famosos desde 2013 | Contato: [email protected]
Veja mais ›