Preta Gil defende Nego Di de ataques e se estressa na internet

Preta Gil (Foto: Reprodução/Instagram)
Preta Gil defendeu Nego Di na web (Foto: Reprodução/Instagram)

Preta Gil resolveu fazer um desabafo com os seus seguidores na última quinta-feira (17), sobre os ataques de ódio que o humorista Nego Di, recém eliminado do BBB 21, vem sofrendo. Segundo a cantora, as pessoas passam dos limites nas redes sociais.

“Tenho conversado muito com as pessoas e insisto em falar sobre esse excesso de ódio pelos participantes do BBB. Eu não concordo com as atitudes de muitos ali dentro, mas não vou fazer aqui fora justamente o que criticamos que eles fazem lá dentro!! ÓDIO não leva a lugar nenhum!”, começou ela.

Em seguida, ela declarou que assim que o participante é eliminado, o jogo acaba ali. De forma direta, ela revelou que ataques não são coerentes, já que a pessoa deve refletir sobre as suas atitudes fora do programa.

“Não gosto, não sigo, não consumo o trabalho da pessoa, mas não desejo o mal para eles e sim o crescimento e amadurecimento. Que eles, ao saírem, revejam suas atitudes e aprendam, só isso!”, pontuou Preta.

Ao concluir o desabafo, a esposa de Rodrigo Godoy afirmou que não consegue desejar o mal a ninguém.

“Me parte o coração ler um negócio desse: mãe e filhos do Nego Di ameaçados?? É isso que queremos? Temos que refletir também sobre esse tipo de espectadores que somos aqui fora. Eu não sou e nunca serei essa pessoa que quer cancelar, aniquilar a vida deles. Sou fã do BBB desde a época que era vergonhoso gostar do BBB e sempre torci, sofri, me envolvi, mas nunca desejei o mal de ninguém!!! Vamos refletir meu povo”, finalizou ela.

Carnaval

Com o Carnaval de 2021 cancelado, a artista comentou que já imaginava que essa seria a forma ideal para combater o coronavírus. Além disso, ela refletiu sobre a economia de diversos estados com a festa cancelada.

“Lá atrás, quando eu já sabia que não iria ter Carnaval e as pessoas ainda insistiam que iria ter, fiquei muito chateada. Não por mim, mas pelos trabalhadores que dependem das festas. São muitas pessoas que envolvem uma indústria que é muito forte. Eu fiquei pensando nessa galera da base da pirâmide, os vendedores ambulantes, catadores de latinhas… Eu consigo me manter sem Carnaval porque tenho inúmeras fontes de renda. Mas a maioria não”, disse ela.

BBB 21

Durante o programa ‘Encontro’, Preta declarou que acompanha o BBB 21, e tenta exercer um olhar mais compreensivo.

“Tive menos medo de expressar minha opinião. Militei quando tinha que militar, mas nunca fui uma mulher de impulso, sempre esperei a hora certa para falar. Gosto de observar. Eu maturo e reflito muito antes de me expor. Tenho maturidade de vida”, falou ela.

DEIXE SUA OPINIÃO

Veja mais ›