Agatha Moreira explica apoio à Juliana Paes e diz ser: ‘Fora Bolsonaro’

Agatha Moreira
Agatha Moreira (Foto: Reprodução/Instagram)

Agatha Moreira foi uma das famosas que deixou um comentário apoiando as palavras de Juliana Paes, em um vídeo publicado pela atriz na última semana. No entanto, a namorada de Rodrigo Simas foi duramente criticada por isso, deixando em dúvida, seu posicionamento político e possível apoio ao governo Bolsonaro.

Após repercussão, Agatha fez questão de explicar seu comentário e afirmou que se expressou mal. Ela conta que, ao “agradecer pelas palavras de Juliana Paes”, estava fazendo apenas um gesto de carinho, acolhendo a exposição de uma amiga, mas que não concorda com as palavras ditas no vídeo.

“Há alguns dias, ao querer fazer um gesto de carinho com uma pessoa que amo, acabei me expressando muito mal em um comentário no Instagram. Quem me conhece e convive comigo sabe que eu tenho verdadeiro HORROR ao governo Bolsonaro. Tenho nojo da repulsa à vacina, das falas preconceituosas e de todo o atraso que ele representa”, introduziu Agatha.

Declarou ser ‘Fora Bolsonaro’

A atriz reconheceu que não foi feliz em seu comentário, mas justificou suas boas intenções, deixando claro que é totalmente contra o governo Bolsonaro.

“Por isso, entendi o ódio de vocês, porque ele é meu também! Então, como eu posso ter dado margem à dúvida, já que eu agradeci por palavras com as quais eu não concordo (quando eu desejava acolher a exposição de uma grande amiga). Quero deixar claro: eu NUNCA apertei 17. Eu NUNCA apoiei esse desgoverno e NUNCA apoiarei! Viva a Democracia. Autoritarismo e negacionismo jamais. FORA BOLSONARO!”, afirmou a artista.

Ao finalizar seu texto, Agatha Moreira explicou o motivo de ter se pronunciado e declarou que apesar das críticas, prefere “apanhar pelo que acredita e defende”.

“Eu poderia ficar calada, esperando que isso esfriasse até tudo se acalmar. Eu sei que minhas palavras gerem mais uma onda de ataques. Mas prefiro apanhar pelo que acredito e defendo!”, finalizou a atriz.

Vídeo de Juliana Paes

Juliana Paes publicou um vídeo em seu Instagram na última quarta-feira (2), para rebater as críticas que recebeu ao defender a médica Nise Yamagushi, que prestou depoimento à CPI da Covid-19 na última terça-feira (1). Na ocasião, ela reclamou do tratamento dado à profissional.

Entretanto, o desabafo da atriz criou ainda mais tensão entre os famosos. No vídeo, Juliana diz que foi a favor do isolamento social, mas que não se sente no direito de falar para as pessoas ficarem sem trabalhar. Também negou ser ‘bolsominion’, termo pejorativo usado para identificar eleitores de Jair Bolsonaro.

Na web, um dos trechos que mais deu o que falar, foi quando Juliana disse que não aprova “os ideais arrogantes de extrema direita nem os delírios comunistas da extrema esquerda”.

Confira o vídeo na íntegra:

Henrique Souza
Mineiro, 26 anos, Graduado em Comunicação Social, Redator e Social Media.
Veja mais ›