Flay faz vídeo de dança com namorado gato e rebolado ganha elogios

A cantora e ex-BBB Flay (Imagem: Reprodução/Instagram)
A cantora e ex-BBB Flay (Imagem: Reprodução/Instagram)

Nesta terça-feira (22), a cantora Flay, ex-participante do Big Brother Brasil 20, deixou os fãs eufóricos ao compartilhar um vídeo dançando ao lado de seu namorado, o modelo Pedro Maia.

Esbanjando sensualidade, o casal colocou o corpo sarado para jogo e mostrou toda uma sincronia ao fazer a coreografia da música Não, Não Vou, de Mari Fernandez, que tem viralizado nas redes sociais com muitos vídeos divertidos.

Apesar do namorado estar sem camisa e exibindo o abdômen sarado, quem roubou a cena mesmo foi Flay. Com um macaquinho curtinho, a paraibana rebolou muito na performance, deixando os fãs hipnotizados.

“Passa lá em casa… 🏠”, escreveu a beldade na legenda do vídeo, que rendeu mais de 200 mil curtidas.

Eita bicha gata“, escreveu a influenciadora Rica de Marré. “Arrasando como sempre ❤️😍😍”, elogiou outra seguidora. “Gostosa“, disparou a funkeira Gabily. “dói ser bonitos assim?? 😍”, reagiu mais uma admiradora da artista.

 

Ver essa foto no Instagram

 

Uma publicação compartilhada por FLAY 🎙 (@flay)

Críticas sobre vídeos de dança e aglomeração

Há alguns meses Flay se envolveu em uma polêmica nas redes sociais após o alto número de vídeos em aglomeração de influenciadores. A artista deu uma entrevista para o jornal O Globo e comentou sobre as críticas que estava recebendo.

Sem eventos e com a carreira de cantora apenas focada em streamings, Flay afirmou que se via obrigada a sair de casa durante a pandemia para produzir conteúdo para os seguidores.

“A quarentena é um período difícil e desafiador para todo mundo, principalmente para nós brasileiros. Eu sempre tomei todos os cuidados, sempre incentivei meus fãs a se cuidarem, a ficarem em casa se puderem. Minha carreira é de cantora, não temos shows. Eu nunca tive oportunidade de mudar de vida e hoje, graças a Deus, trabalho com a internet também, preciso criar conteúdo, gravar clipes, preciso sair de casa para sustentar a minha família”, disse ela.

Questionada sobre os comentários referentes a sua suposta “falta de empatia” com as vítimas do COVID-19 no último ano, Flay afirmou que tem muito respeito e que busca se esquivar das mensagens de ódio, para tentar preservar sua saúde mental.

“Tenho muito respeito por todos que perderam alguém amado e já existe vacina para esse vírus. Tento não me importar com os comentários que não veem para agregar ou para somar, mas nem sempre é fácil. Cuido muito da minha saúde mental porque os comentários ofensivos podem destruir vidas, é muito sério e muito perigoso”, afirmou.