Pabllo Vittar sobre voltar aos palcos: “Enquanto não tiver vacina, não vou”

Pabllo Vittar (Foto: Reprodução/Instagram)
A cantora Pabllo Vittar (Foto: Reprodução/Instagram)

Os fãs da cantora Pabllo Vittar ainda vão demorar a ver apresentações da drag queen pessoalmente. Fazendo um grande sucesso ao redor do Brasil e em outros países do mundo, ela faria uma apresentação muito esperada no festival Coachella, que aconteceria no mês de abril. Os shows foram todos cancelados por conta da pandemia do novo coronavírus, e a artista falou a respeito do tema durante uma entrevista concedida recentemente para a revista Quem.

“Fiquei triste por conta do que estava acontecendo no mundo todo. Os shows, a gente faz todo ano, mas eu quero que as pessoas estejam saudáveis para ir a esses festivais. Quem trabalha com a arte assim, que sente a energia das pessoas, é muito difícil ficar longe dos palcos”, disse ela. Apesar disso tudo, Vittar afirmou que não retornará com apresentações tão cedo, inclusive garante que nem a possibilidade de fazer um show em dive-in está sendo levada em conta.

Sem vacina, sem Pabllo

Sem criticar os artistas que se apresentaram no formato, em que as pessoas ficam dentro de carros para acompanharem o show, Pabllo Vittar afirma que apenas a vacina contra o coronavírus a fará retomar o trabalho nos palcos. “Eu não faria, enquanto não tiver uma vacina e as pessoas ainda estiverem morrendo, eu, Pabllo Vittar, não vou para o palco. É um sentimento muito triste ver que o governo não está fazendo nada, que as pessoas estão morrendo”, criticou.

Ela encerra dizendo que espera isso tudo passar. “Subir no palco para cantar com tudo isso na cabeça é muito louco. Para mim, não vai rolar. Vou esperar até tudo voltar ao normal e a gente possa se abraçar, rebolar nossa bunda do jeito que a gente sabe e voltar com a força que a gente merece”, afirma a cantora.

Veja mais ›